Procurando por novas oportunidades de inovação? Questione seu trabalho

por Jairo Siqueira · 0 comentários

em Inovação, Motivação, Produtividade, Qualidade

Questione seu trabalhoSabemos que, para procurar por oportunidades de inovação, devemos estar sempre olhando para fora da empresa. Grandes oportunidades de inovação nascem das mudanças no mercado, nas alterações dos hábitos e preferências dos consumidores, nos avanços tecnológicos, etc.

Tudo bem, realmente as grandes oportunidades estão fora dos portões da fábrica, e devemos nos manter atentos nos clientes e na concorrência. Mas também é importante estar atento às oportunidades internas de melhoria e inovação de métodos e processos. Fazer mais e melhor com menos e mais rápido – este é o desafio permanente.

Para ter novas ideias, questione seu trabalho

Por que estamos fazendo isto?

Isto é realmente útil?

Estamos agregando valor?

Há um modo mais fácil?

Estas são as perguntas que devemos fazer de modo permanente antes, durante e depois de concluir alguma coisa, grande ou pequena. É importante fazer estes questionamentos para assegurar que estamos fazendo um trabalho que vale a pena ser feito.

Por que estamos fazendo isto?

Às vezes, você se depara trabalhando em algo mas não sabe porquê? Neste caso, é muito importante questionar por que está trabalhando nisto. Qual a razão disto? A quem beneficia? Qual a motivação por trás disto? As respostas a estas perguntas o ajudarão a entender melhor o seu trabalho.

Isto é realmente útil?

Estamos fazendo algo realmente útil ou estamos simplesmente fazendo algo? É fácil confundir entusiasmo e hábito com utilidade. Não são raros os casos em que organizações continuam a fazer coisas cuja utilidade já desapareceu há muito tempo.

Estamos agregando valor?

Agregar custo é fácil, agregar valor é difícil. Na visão dos clientes, o que estamos fazendo realmente agrega valor aos nossos produtos e serviços? Há uma linha muito tênue entre agregar valor e subtrair valor. Às vezes, quando pensamos que algo acrescenta valor, o usuário vê como aumento da complexidade.

Há um modo mais fácil?

Há dois modos de se fazer algo: o modo difícil e o modo fácil. Há mais de 2.500 anos, Confucio já tinha observado: A vida é realmente simples, mas nós insistimos em torná-la complicada. Ao longo do tempo, os métodos de trabalho tendem naturalmente a se complicarem. Cada gerente introduz novos controles, novos relatórios, novas verificações, etc. Estas complicações são criadas por motivações internas, sem a devida avaliação de seus impactos sobre a qualidade final entregue aos clientes. Toda vez em que criamos dificuldades para nossos clientes, nós os estamos entregando nos braços dos concorrentes.

As questões acima são algumas das perguntas que devemos fazer constantemente sobre as razões, modo de execução e consequências de nosso trabalho. Um trabalho mais simples, mais eficiente e mais útil traz mais riquezas, e também mais prazer e mais alegria.

Artigos relacionados:

10 atitudes das pessoas muito criativas

Criatividade: mente aberta, olhos e ouvidos atentos

Pensamento crítico: o ceticismo saudável pode ser um valioso aliado de sua criatividade

Só há criatividade onde existe paixão pelo trabalho

Para inovar, questione as regras sagradas

O elo ignorado entre a satisfação dos trabalhadores e a lealdade dos clientes

Para uma lista completa, consulte Índice de Artigos

Escreva seu comentário

{ 0 comentários… acrescente o seu agora }

Artigo anterior:

Artigo seguinte: