Como escapar da roda viva da vida moderna e arranjar tempo para pensar

por Jairo Siqueira · 4 comentários

em Criatividade, Produtividade

 CorreriaUm dos mitos sobre a criatividade mais difundidos apresenta o ato de criar como um processo caótico, desordenado e que, de repente, culmina num estalo criativo. Este mito confunde a atitude mental de desafio às ideias vigentes com o método de trabalho para gerar e aprimorar ideias. As pessoas altamente criativas sabem combinar a audácia mental com a disciplina no trabalho. As ideias podem surgir num momento especial, mas, normalmente, este final glorioso resulta de um trabalho árduo e de muita concentração.

 Basta olhar para a biografia dos gênios para ver que a genialidade é uma qualidade desenvolvida com esforço, disciplina e rigor.  Gênios descobrem sua habilidade natural e trabalham duro, durante longos anos, para desenvolver o que há de melhor nessa sua habilidade. Foi isso que levou Michelangelo a dizer que, se as pessoas soubessem o esforço necessário para levá-lo aonde ele chegou, não o chamariam de gênio. Jacob Pétry, filósofo.

 Algumas pessoas podem pensar que o gerenciamento do tempo e a criatividade sejam duas coisas antagônicas, que não se misturam, como a água e o vinho. Para elas pode parecer que os conselhos para se organizarem e combater a procrastinação não se aplicam. Contudo, os testemunhos de pessoas altamente criativas, como Michelangelo, Picasso, Thomas Edison e Einstein, entre outros, enfatizam a disciplina no uso do tempo como suporte um crítico para a criatividade.

 No processo criativo, concentração é a palavra chave e isolar uma parte do tempo para pensar sem interrupções e interferências é essencial para se obter o máximo de nossas habilidades criativas. A maneira de usar este tempo varia de pessoa a pessoa, algumas preferem uma sala isolada, outras se sentem mais criativas ouvindo música suave ou sentadas à sobra de uma árvore, para citar apenas algumas das muitas preferências. O que importa é a plena concentração, sem interferências.

 Os paradoxos da moderna tecnologia

A coisa maravilhosa a respeito da moderna tecnologia é a quantidade de informação ao nosso alcance e a facilidade de compartilhá-la. O intercâmbio de ideias e informações é bom para a criatividade. O lado ruim da moderna tecnologia é a quantidade de informação disponível e a facilidade de disseminá-la. Somos inundados por um fluxo incessante de novas informações e conexões, via smartphones, e-mails, newsletters, websites, vídeos, redes sociais, etc. Pesquisas têm revelado que muitas pessoas gastam cerca de 3 horas por dia lidando com estas informações e conexões, a maioria delas trivialidades sem valor.

 A ansiedade causada por estas múltiplas demandas acaba erodindo nossa capacidade de concentração, que é vital para a criatividade.

 Este cenário lhe parece familiar? Você começa o dia cheio de entusiasmo com a oportunidade de trabalhar em uma nova ideia. Liga o computador, começa a trabalhar e se inicia também a enxurrada de e-mails e notificações de novas mensagens no Facebook e Twitter. Você interrompe o fluxo de ideias mal começado para responder as mensagens e ler as últimas atualizações na sua rede social. Depois de algum tempo, você tenta retomar seu trabalho, mas o telefone toca. Finalizada a conversa, você nota que há novas mensagens e novas atualizações no Facebook e Twitter. Assim se esvai o dia e terminamos reclamando que nos dias de hoje não há mais tempo para pensar e o trabalho criativo não passa de um sonho distante e inalcançável.

 Na verdade, tempo há, mas o que acontece é que, sem planejamento e controle, ficamos a mercê dos ladrões de tempo.

 Não permita que interfiram em sua criatividade

As pessoas criativas são notáveis pela capacidade de concentração e pela qualidade da atenção, determinadas pela plenitude e continuidade. A plenitude se refere à condição de concentração em único assunto por vez, afastando-se de outras preocupações durante o tempo reservado para o processo criativo. A continuidade se refere à ausência de interrupções causadas por demandas que podem ser atendidas em outros momentos.

 Como escapar da roda viva da vida moderna, assumir o controle do uso de seu tempo e afastar as interferências no trabalho criativo? Talvez você pense em adquirir um sofisticado software para agendar e gerenciar suas atividades. Tudo bem se você gosta destes tipos de aplicativos, mas, na verdade, isto não é o essencial. Basta uma simples folha de papel, pois o que importa é sua atitude de considerar seu tempo um recurso valioso que deve ser usado com inteligência e disciplina. Na verdade, tudo se resume na atenção a somente três pontos.

 Primeiro, identifique a hora do dia em que você se sente mais criativo e reserve este tempo para as atividades de pensar coisas novas, inovar e resolver problemas importantes e complexos. Na medida do possível, proteja este tempo e não permita interferências e perturbações. Questione a urgência e a importância de todas as pressões para interromper seu trabalho criativo.

 Segundo, planeje o seu trabalho de modo a usar seu tempo de forma inteligente, melhorar sua produtividade e abrir espaço par o trabalho criativo. Para isto, você pode usar a Matriz de Gerenciamento do Tempo e classificar suas atividades conforme a importância e urgência.

 Terceiro, elimine o hábito de abrir seu e-mail ou consultar sua rede social a todo momento e de responder todas as mensagens imediatamente. Reserve uma hora do dia para acessar sua rede social e examinar suas mensagens de uma única vez. Apague sem piedade as inutilidades; coloque as não urgentes e de pouca importância em uma pasta para serem respondidas mais tarde, numa ocasião reservada para esta finalidade; responda todas as demais consideradas importantes e urgentes. Faça isto uma vez por dia, ou no máximo duas.

 Com estas medidas simples, você se surpreenderá com o aumento de sua produtividade e com a qualidade de suas ideias.

P.S.: Não deixem de ler o comentário do Bruno logo abaixo.

Livros Criatividade

 Artigos relacionados:

 Gerenciamento do tempo para pessoas criativas e inovadoras

Como usar melhor seu tempo e se tornar mais eficaz e produtivo

Tempo: trabalhe com mais inteligência e menos esforço

Gerencie seu tempo: primeiro o mais importante

Procrastinação: como se livrar do mau hábito de deixar para depois o que pode ser feito agora

Para uma lista completa, consulte Índice de Artigos

Escreva seu comentário

{ 4 comentários… leia-os abaixo ou escreva o seu }

ana junho 26, 2012 às 14:36

Olá
Tentei comprar seu ebook não consegui.
Gosto do conteúdo do seu blog.
Eu que aos 53 estou montando meu blog. Para desenvolver um negócio a partir de casa.
Por favor me informa como faço para o comprar, tem de ser através do Paypal.

Responder

Jairo Siqueira julho 19, 2012 às 10:33

Ana, consultando os registros do PayPal vejo que você já comprou e recebeu o e-book Criatividade Aplicada. Obrigado e bom proveito.

Responder

Bruno junho 25, 2012 às 13:23

Oi Jairo, passei pelo que você descreve.
A 3 meses atrás pedi para a minha irmã mudar a senha do meu Facebook e do meu Twitter.
Fiquei 1 mês sem acessá-los.

O resultado foi surpreendente, ai percebi que eles roubavam mais o meu foco das minhas atividades do que eu imaginava.
Em 1 mês sem as redes sociais eu consegui realizar coisas que estavam a 3 meses na minha lista de coisas a serem feitas.

Quanto ao tempo ocioso para a criatividade, eu concordo. No final de semana eu trabalho para a minha empresa que estou criando, e me isolo do mundo me concentro muito e com certeza consigo realizar um trabalho muito melhor.

Parabéns pelo texto!
Bruno

Responder

Jairo Siqueira junho 25, 2012 às 14:05

Bruno, muito obrigado pelo comentário, muito oportuno. Seu testemunho é uma valiosa confirmação do que aconselho no artigo.
Abraços,

Jairo

Responder

Artigo anterior:

Artigo seguinte: